Se você é do varejo você tem que admirar Luiza Trajano

Se você é do varejo você tem que admirar Luiza Trajano

Se você é do varejo você tem que admirar Luiza Trajano

Há anos venho acompanhando o trabalho da Sra. Luiza e o seu magazine Luíza, e o que mais me chama a atenção é que em todos os artigos ela coloca sua preocupação com o cliente e com seus funcionários.

Nós entendemos que o pequeno varejo tem poucas armas para competir e as principais são: qualidade, dedicação e empatia.

O título do artigo “Varejo deve priorizar inovação e atendimento, diz Luiza Trajano”, que vamos compartilhar coloca dois pontos muito interessantes para o pequeno comércio.

Um diz respeito ao atendimento, essa é a chave para o pequeno comércio, sem ele a tendência será o fechamento, só o pequeno comércio tem a capacidade de conhecer o cliente. Apesar dos médios e grandes grupos estarem cada vez mais implantado CRMs (ferramentas de relacionamento e conhecimento do cliente) só o pequeno comércio é que olha olho no olho, sabe o nome e as preferências sem necessidade de tecnologia, isso é o diferencial, EMPATIA, relacionamento humano, isso é inovação, o futuro.

Gostaria de dar um testemunho: cresci vendo um tio trabalhando na sua loja de material de construção, aquelas pequenas de esquina no bairro da Mooca. Ele sabia o nome de todos que entravam na loja, conhecia seu produto, sabia recomendar, sabia conversar e tornar aquele momento do cliente dentro da loja socada de artigos diversos, especial. Com essa loja ele criou 3 filhas, tinha sua casa, seu carro, vivia bem. Com o tempo ele se aposentou, a loja passou para outra pessoa depois faliu. Ai vem a máxima, o mundo mudou, os grandes acabaram com a loja.

A minha lição foi que em torno da loja dele não havia nenhum grande, as pessoas eram as mesmas, e até filhos das mesmas, o que mudou foi o atendimento, que era o segredo do sucesso.

No que diz respeito à inovação, outro ponto do artigo, ai o pequeno comércio perde, apesar da EMPATIA hoje ser um fator de inovação, falta recursos e conhecimento para investir em tecnologia e é ai que o Especial Você entra, unindo vários “pequenos” e disponibilizando funcionalidades compartilhadas, a primeira é o Programa de Fidelidade.

Outro aspecto que nos incomoda (EV) são os aproveitadores, fornecedores de tecnologia com visão curta que levam o pequeno comércio a fazer investimentos desnecessários sem resultados.

Segue o Link da entrevista desta pessoa que faz diferença Luiza Trajano, clique aqui…

mavidal